05 . mar . 2016 Bem Estar  Mudança de Hábitos  Positividade  

10 atitudes positivas para mudar hábitos alimentares

mudar hábitos

Você passou anos preferindo dormir uns minutinhos a mais ao invés de tomar café da manhã. Já se adaptou e nem sente mais fome nesse horário. Um belo dia decide procurar um nutricionista que o ajude em busca de uma alimentação melhor e, SURPRESA! A primeira coisa que ele fala é que você PRECISA realizar o café da manhã. Mas como mudar isso depois de tantos anos? Acordar mais cedo, organizar os alimentos na noite anterior… parece muito difícil, não é?

Mudar hábitos de vida definitivamente não é fácil. São necessários muitos dias (ou até meses!) realizando uma nova atividade para que ela se torne um hábito.

Abaixo, listamos algumas atitudes que podem ajudá-lo a mudar hábitos

1. Crie metas

mudar hábitos - Metas

Planeje, por exemplo, uma meta por semana. Comece pelas mais fáceis para você, como consumir uma fruta por dia ou aumentar um pouco a quantidade de saladas no seu prato na hora do almoço.

2. Anote a meta em um papel

mudar hábitos - Anote

E de preferência, deixe em um lugar que você vai ver todos os dias, como a porta da geladeira ou espelho do banheiro. Você pode escrever também suas estratégias para superar as dificuldades, como na imagem acima!

3. Anuncie suas metas

mudar hábitos - Anuncie

Fale para seus familiares, amigos, namorado/marido, ou poste nas suas redes sociais o objetivo da semana. Assim, seu comprometimento aumenta e eles vão ajudá-lo a ficar firme.

4. Anote seu progresso

mudar hábitos - Anote

A cada semana, anote no papel se conseguiu fazer o que se propôs a fazer. Assim, a sensação de dever cumprido aumenta!

5. Organize-se

mudar hábitos - Organize-se

O primeiro passo para incluir um novo hábito na rotina é organizar-se para ele. Se planeja iniciar atividade física pela manhã, organize a roupa e o café da manhã no dia anterior e tente dormir mais cedo. As chances de “matar” a academia são menores dessa forma.

6. Tenha seu objetivo em mente

mudar hábitos - Objetivo

Se você procurou um nutricionista, é porque está disposto a mudar algum aspecto da sua vida em prol de um resultado. Se for emagrecer, por exemplo, imagine-se diariamente você mesmo com alguns quilos a menos. Pensamento positivo ajuda muito!

7. Celebre cada pequena conquista

mudar hábitos - Celebre

Se você perdeu 1kg em duas semanas e esperava mais, não fique triste. Agradeça ao seu esforço por ter eliminado essa quantidade e siga em frente. Criar expectativas demais atrapalha.

8. Sem culpa

mudar hábitos - Sem culpa

Ninguém come perfeitamente 100% do tempo. Não se sinta mal por comer algo diferente: culpa traz pensamentos negativos e a sensação de que você não é capaz de realizar algo. A ideia é o contrário: se extrapolar, retomar a alimentação saudável o quanto antes e sentir orgulho dessa determinação!

9. Fuja das desculpas

mudar hábitos - Desculpas

A rotina ficou mais corrida e esse está sendo seu pretexto para não seguir as metas de uma alimentação mais saudável? Nada disso! Assuma a dificuldade e tente pensar em alternativas para melhorar a alimentação dentro de suas possibilidades. Exemplo: “estou viajando muito a trabalho e tenho dificuldade em realizar lanches saudáveis nos intervalos entre as refeições principais”. Ao invés de comprar salgados, bolachas ou doces, você pode consumir oleaginosas, frutas secas e/ou desidratadas que são fáceis de carregar na bolsa, pois ocupam pouco espaço e não estragam facilmente. Ou então leve uma fruta do café da manhã do hotel para comer durante o dia.

10. Perceba como você se sente

mudar hábitos - Perceba-se

É importante refletir sobre os hábitos ruins que temos e como nos sentimos em relação a eles. Aquela vontade de doce que sempre aparece no meio da tarde pode ser muito mais uma necessidade de pausa no trabalho entediante que faz nesse horário do que necessidade de açúcar. E como você se sente depois do doce? Aliviado até o fim do dia ou será que logo a angústia de retornar ao trabalho volta?

Lembre-se de que profissionais como o nutricionista e o educador físico podem, e devem, auxiliá-lo em busca de mudanças de hábitos, mas só você é capaz de mudar hábitos em sua vida! Assuma essa responsabilidade, acredite em você e comece com um passo de cada vez.

Natali Carol Fritzen

Nutricionista | CRN 8-8434

Graduada em Nutrição pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2012, Natali procura impactar a vida de pessoas por meio de sua profissão. Já realizou residência multiprofissional em Atenção Hospitalar na área de concentração Saúde do Adulto e do Idoso no Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná (UFPR), em 2015.

Veja todos os posts de Natali Carol Fritzen