Fazer marmita para levar para o trabalho é saudável e está na moda!

marmita para levar para o trabalho

O que é bom, nunca pode sair da moda! Fazer marmita para levar para o trabalho está voltando com tudo e a tendência é que as “quentinhas” façam parte dos hábitos de muito mais pessoas, cada vez mais e mais.

Você sabia que as refeições fora de casa representam mais de 25% dos gastos com alimentação?

Pois é, são dados levantados pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Não há dúvidas de que o orçamento mais apertado reflete no hábito de levar marmita para o trabalho com o intuito de gerar economia, mas a volta das marmitas não está relacionada somente à redução de custos não!

Uma pesquisa realizada pela Banca do Ramon, um dos empórios mais tradicionais do Mercado Municipal de São Paulo, apontou que a onda fitness e a busca por uma alimentação mais saudável e de qualidade estão refletindo na mudança dos hábitos da população, que está optando por levar comida caseira para o trabalho, faculdade, academia e outros lugares. Essa mudança está ocorrendo em pessoas com poder aquisitivo tanto mais baixo, quanto mais alto, isso porque a alimentação caseira é a melhor escolha, é a escolha mais saudável e que gera mais benefícios para nós.

De acordo com a pesquisa “Do essencial ao Gourmet – O que os brasileiros pensam sobre alimentação saudável e produtos premium.”, mesmo entre aqueles que ganham acima de 5 salários mínimos, o hábito (fazer refeições no lar/levar marmita de casa) não só é predominante como também é apontado como a escolha mais saudável por quase 40% dos entrevistados com renda familiar elevada. No geral, considerando todos os 1360 participantes, mais de 85% aponta esse tipo de refeição como a mais frequente e também como a melhor pedida.

Tendência para alguns, resgate de um velho costume para outros, fazer marmita para levar para o trabalho apresenta inúmeras vantagens e benefícios!

Vantagens de “marmitar”

  • Mais saudável
  • Favorece controle da alimentação em relação à ingestão de sal, temperos industrializados, alimentos gordurosos, etc.
  • Ajuda no controle da quantidade (quando acaba, você não tem a possibilidade de “repetir”)
  • Evita as tentações típicas dos self services como frituras, salgadinhos, molhos.
  • Economia de tempo
  • Economia de dinheiro
  • Procedência de qualidade
  • Sabor tradicional de comida caseira

Alguns cuidados que você precisa ter:

  • Inclua na sua marmita alimentos que possam ser bem reaquecidos e não tenham cheiro muito forte.
  • Acomode os alimentos da sua marmita separadamente uns dos outros.
  • Tenha cuidado com o transporte da sua marmita, invista em bolsas térmicas.
  • Deixe sua marmita em um ambiente refrigerado, de preferência na geladeira. Se não for possível, coloque cubos de gelo seco na sua bolsa térmica para ajudar na conservação.
  • Aqueça sua marmita em um recipiente de vidro. Não esquente em recipientes de plástico, pois ocorre a liberação de um composto, chamado Bisfenol A, que é prejudicial para nossa saúde.

Fazer ou comprar marmita para levar para o trabalho? Você escolhe!

Se você curte cozinhar, você pode montar sua própria marmita em casa, mas se está com dificuldade em se organizar, para montagem das quentinhas, existe a possibilidade de comprar marmitas saudáveis. Existem as linhas de marmitas detox, funcionais, com baixo índice glicêmico, para vegetarianos ou pessoas com alguma doença em específico.

Atente-se à um detalhe: uma marmita com poucas calorias, não é sinônimo de opção mais saudável, a refeição precisa garantir um aporte de todos os nutrientes que precisamos.

É a mesma regra da montagem de um prato saudável. Como a necessidade nutricional varia muito, sempre busque a orientação do seu nutricionista.

marmita para levar para o trabalho - composição de um prato saudável - prato balanceado

Vixi, não dá para esquentar minha marmita… e agora?

Isso não é desculpa não! Existem várias combinações de alimentos que te proporcionam uma refeição completa e dá para comer geladinho, como se fosse uma salada mega completa. Lembre-se as versões descritas como refogadas, serão consumidas geladinhas e fica uma delícia!

Sugestões de marmita para levar para o trabalho

Garanta a presença de todos os grupos de alimentos

Garanta a presença de todos os grupos de alimentos!
Carboidratos + Proteína Animal + Proteína Vegetal + Salada/Legumes (use e abuse da saladinha)

Opção 1: Quinoa em grãos + frango desfiado + lentilha + alface + tomate, cebola, cenoura e beterraba ralada)

Opção 2: Milho + ovo cozido + ervilha + berinjela refogada + escarola refogada + palmito.

Opção 3: Macarrão integral + frango em cubos + grão de bico + abobora + espinafre refogado + azeitonas.

Opção 4: Pedaços de batata doce ou batata doce assada + carne desfiada + salada de feijão fradinho + agrião + tomate + brócolis.

ideias de marmita para levar para o trabalho cardápio

E digo mais, se você tiver o hábito de congelar algumas preparações, como frango desfiado, carne moída, legumes refogados/assados, fica muito mais prático, principalmente naqueles dias bem corridos.

Esse ótimo hábito garante uma alimentação saudável, equilibrada e econômica! Todo mundo sai ganhando!

Você já ouviu falar da salada no pote? Ela é uma opção excelente para levar na marmita! Confira o post Salada no pote: a salada para levar na marmita! e aprenda a fazer a sua!

Eu sou fã de marmitar e você?

Referências

BARROS. K. Levar marmita para o trabalho vira moda e é ideia para economizar e ter qualidade de vida. Disponível em: <https://www.santanafm.com.br/2017/10/11/pesquisa-aponta-beneficios-do-uso-da-marmita-na-alimentacao-diaria/>. Acesso em: 16/11/2017.

IBGE. Pesquisa de orçamentos familiares. Análise do consumo alimentar pessoal no Brasil. Rio de Janeiro. 2009.

SEGS. A volta da marmita: maioria dos brasileiros aposta na alimentação caseira, aponta pesquisa. Disponível em: http://www.segs.com.br/demais/85539-a-volta-da-marmita-maioria-dos-brasileiros-aposta-na-alimentacao-caseira-aponta-pesquisa.html. Acesso em: 16/11/2017.

Mirelli Dantas Andrade

Nutricionista | CRN 3-41051

Formada em Nutrição pelo Centro Universitário São Camilo desde 2013, especializada em Nutrição Esportiva pela Faculdade Integrada AVM desde 2015 e em Informática em Saúde pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) desde 2016. Possui aprimoramento profissional em nutrição clínica pela Faculdade de Saúde Pública – USP. Atua como consultora de Nutrição, oferecendo hábitos mais saudáveis para que a qualidade de vida e produtividade seja prioridade para empresários.

Veja todos os posts de Mirelli Dantas Andrade