Para que serve a vitamina D? 9 situações onde ela é exigida pelo nosso corpo!

Para que serve a vitamina D? 9 situações onde ela é exigida pelo nosso corpo!

Você sabe como estão seus níveis de vitamina D? Ela é importantíssima em diversas funções no nosso corpo e para nossa saúde! Vem saber mais sobre para que serve a vitamina D e onde encontra-la nos alimentos!

Para que serve a vitamina D?

A vitamina D ou colecalciferol é uma vitamina lipossolúvel, obtida principalmente através da luz solar (90% é sintetizada na pele humana pela radiação UV-B) e de fontes dietéticas (10%).

Sabe-se que a principal função da vitamina D é manter a homeostase de cálcio e do tecido ósseo, evitando o aparecimento de raquitismo em crianças e osteoporose e osteopenia nos adultos.

Ela contribui para a absorção do cálcio e uma melhor densidade mineral óssea. Estima-se que sem vitamina D somente 10 a 15% do cálcio ingerido seja absorvido.

Níveis baixos de Vitamina D são bem comuns hoje em dia

A deficiência de vitamina D já é uma pandemia, ou seja, uma epidemia disseminada em vários países. Apesar de ter esse nome, a vitamina na verdade, é considerada um hormônio, de acordo com as últimas publicações científicas.

A forma mais fácil e natural de se obter vitamina D é a partir da exposição à luz do sol, que estimula a pele a produzir a vitamina.

Essa exposição deve ocorrer pelo menos duas vezes por semana e ter uma duração de 5 a 30 minutos, com braços e pernas descobertos e sem protetor solar, entre as 10 horas da manhã e 15 horas. Fatores como estação do ano, latitude e pigmentação da pele (as peles claras absorvem a vitamina D com mais facilidade; quanto mais escura a pele, mais tempo de exposição ao sol a pessoa deve ter para metabolizar a substância) podem interferir nessa síntese.

Quais são os alimentos fontes de vitamina D?

Na alimentação, poucos alimentos são fontes de vitamina D:

  • Óleo de fígado de bacalhau
  • Ovos (principalmente a gema)
  • Ostras
  • Cogumelos shiitake secos
  • Fígado
  • Manteiga
  • Peixes como o salmão, arenque, cavala e, em menor quantidade, sardinha e atum.

Mesmo assim, até o alimento com as maiores quantidades da substância, o salmão, conta com somente 6,85% das necessidades diária de vitamina D em uma porção de 100 gramas.

Para que serve a vitamina D? 9 situações onde ela é exigida pelo nosso corpo!

Para que serve a vitamina D? Para prevenção da Obesidade

Acredita-se que o aumento de peso relacionado à carência de vitamina D esteja envolvido com o “processo inflamatório”, uma vez que esta vitamina possui papel anti-inflamatório.

Além disso, a vitamina D poderia também atuar nos mecanismos de regulação do apetite e impedir a lipólise (acúmulo de gordura).

Pesquisas recentes também indicam que a vitamina D pode diminuir a resistência à insulina e aumentar a absorção de glicose. O aumento da secreção e/ou ação da insulina está relacionada à diminuição da fome e da ingestão de alimentos, o que pode ajudar a reduzir a obesidade e auxiliar a perda de peso.

Para que serve a vitamina D? Para o combate a Hipertensão

A Vitamina D também é importante no combate à pressão arterial, segundo os pesquisadores da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos. Isso se dá porque a vitamina D é a principal responsável pelo controle do enrijecimento das artérias que eleva a pressão nas mulheres.

Com a falta da vitamina, o organismo feminino faz um esforço três vezes maior para manter seu equilíbrio circulatório e acaba sobrecarregando algumas funções como a irrigação das artérias, o que gera um aumento na pressão e desconfortos, como tontura e transpiração excessiva.

Para que serve a vitamina D? Para o tratamento e prevenção do câncer

A Vitamina D tem sido apontada tanto como tratamento quanto como prevenção do câncer.

Um estudo conduzido com 32 mil mulheres mostrou que, quanto mais baixos os níveis de vitamina D, mais alto o risco de câncer de intestino.

Outro estudo demonstrou que o câncer de próstata surge três a cinco anos mais tarde em homens que trabalham ao ar livre e que portanto, se expõem ao sol com regularidade, contribuindo para síntese adequada de vitamina D.

Para que serve a vitamina D? Para a prevenção e controle do Diabetes

Estudos demonstram um envolvimento potencial da vitamina D na gênese, prevenção e controle de ambos os tipos de diabetes (I e II). Ações imunomoduladoras e anti-inflamatórias da vitamina D são responsáveis por reduzir a destruição das ilhotas pancreáticas (onde há a produção de insulina), diminuindo a resistência à insulina e aumentando sua secreção.

Para que serve a vitamina D? Para a manutenção do bom funcionamento do Sistema Imunonógico

Direta ou indiretamente, a vitamina D controla mais de 200 genes, responsáveis pela integridade da resposta imunológica. A deficiência desse micronutriente aumenta o risco de tuberculose, por exemplo.

Além disso baixos níveis de vitamina D favorecem o surgimento de doenças autoimunes, que ocorrem quando o sistema imunológico da própria pessoa ataca e destrói os tecidos saudáveis do corpo. É o caso da esclerose múltipla e do lupus.

Estudos preliminares sugerem que a vitamina D ativada pode ser um tratamento eficaz para a artrite reumatoide e psoríase.

Para que serve a vitamina D? Para a prevenção de Distúrbios Psiquiátricos

Sabemos que níveis baixos de vitamina D estão associados com o surgimento de esquizofrenia na adolescência e diversos outros distúrbios psiquiátricos, dentre eles o mais comum é a depressão.

Pesquisadores da Universidade Vrije, da Holanda, estudaram 1.282 pessoas entre 65 a 95 anos, das quais 169 sofriam de depressão leve. A taxa de vitamina D nas pessoas deprimidas era 14% menor que a observada nos demais idosos. Na hipovitaminose D os níveis de PTH estão aumentados, e este hormônio tem uma ligação indireta com alterações no humor e apatia, que são sintomas associados à depressão.

Para que serve a vitamina D? Para a saúde do seu coração

A vitamina D possui características anti-hipertensivas e por isso seus níveis séricos baixos podem levar a uma alteração no sistema cardiovascular.

Estudos mostram que vitamina D baixa também pode estar ligada ao aumento da calcificação das artérias coronárias, aumentando a chance de infarto e AVC.

Para que serve a vitamina D? Para melhora de alergias

Existem evidências de que a vitamina D pode exercer função sobre a responsividade das vias aéreas, função pulmonar e controle da asma. Além disso pode estar relacionada a menor inflamação das vias aéreas.

Para que serve a vitamina D? Para a função cognitiva do nosso cérebro

Alguns estudos demonstram que gestantes com níveis baixos de vitamina D podem dar à luz, mais facilmente, a crianças autistas. Baixos níveis de vitamina D estão associados também com declínio cognitivo e aumento no risco de doença de Alzheimer.

Ufa…realmente a vitamina D é super importante para nossa saúde, né?!

Leia também: 15 alimentos ricos em ferro para você incluir no seu dia-a-dia

Posso tomar Vitamina D?

Agora que você já sabe para que serve a vitamina D, procure seu médico ou nutricionista e realize a dosagem da vitamina D no seu sangue.

Os suplementos só podem ser tomados após a constatação de deficiência, e só um profissional capacitado saberá qual a dose extra a ser administrada.

É preciso muito cuidado com o excesso desta vitamina, que só ocorre por meio da suplementação, já que os alimentos não contam com quantidades grandes da substância e a obtenção dela por meio dos raios solares é regulada pela pele, que cessa a produção de vitamina quando atinge os valores necessários.

Com o excesso de vitamina D, há a possiblidade de ocorrer a elevação da concentração de cálcio no sangue e isso pode provocar a calcificação de vários tecidos, sendo que o mais afetado é o rim, que pode chegar até mesmo a perder sua função.

Por Amanda Oliveira
Nutricionista – CRN 8/7460

Referências

Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia. Consenso sobre as Recomendações para o diagnóstico e tratamento da hipovitaminose D. Arq. Bras. Endocrinol Metab. 2014;58/5.
Bordalo, L.A.; et al, Cirurgia bariátrica: como e por que suplementar, Rev. Assoc. Med. Bras., vol.57 num.01, São Paulo, Jan./Feb. 2011.
Sun, X.; Zemel, M.B., 1α, 25-Dihydroxyvitamin D and corticosteroid regulate adipocyte nuclear vitamin D receptor, International Journal of Obesity, 2008.