Aprenda qual o melhor tipo de panela para a saúde e acerte na escolha!

Qual o melhor tipo de panela para a saúde? Aprenda a fazer a escolha certa!

Já percebeu que panelas, além de usadas para preparo dos alimentos, viraram itens decorativos na cozinha? E com isso, muitas vezes a escolha delas é motivada pela aparência e não pelo que mais importa: a qualidade do material. Aprenda qual o melhor tipo de panela para a saúde, e acerte na escolha!

Sua saúde é influenciada pelas panelas que você utiliza!

Além da preocupação com a qualidade dos alimentos que consumimos, devemos nos preocupar com qual o melhor tipo de panela para a saúde! O material que a panela é feito deve ser levado em conta, pois algumas panelas podem liberar partículas prejudiciais à saúde quando aquecidas, enquanto outras necessitam cuidados especiais de limpeza.

Qual o melhor tipo de panela para a saúde?

Listamos aqui os tipos mais comuns de panelas e as melhores escolhas, dá uma olhada!

Panelas de Alumínio

São as mais comuns e baratas. Porém pesquisas apontam grandes quantidades de alumínio em alimentos cozidos nessas panela.

Um estudo da USP recomenda evitar o uso da esponja de aço para lavá-las e acrescentar o sal só após o cozimento como formas de se diminuir essa contaminação, que está associada ao mal de Alzheimer.

Com que panela eu vou? Panelas de alumínio não são uma boa opção! Se você tiver panelas de alumínio em casa, é melhor aposentá-las.

Panelas de Ferro

São resistentes e há opções de todos os preços.

Outro ponto positivo é que liberam ferro na comida, o que ajuda a combater problemas como anemia.

A principal desvantagem é que são pesadas.

Para manter a panela sem ferrugem e evitar problemas de saúde, sempre depois de lavá-la com esponja macia e detergente neutro, seque-a no fogão.

Com que panela eu vou? Panelas de ferro são uma boa opção, pois ajudam no combate da anemia.

Panelas de Titânio

São o tipo de panela mais modernas e o melhor, não liberam substâncias tóxicas nos alimentos. Antiaderentes, elas dispensam o uso de gordura.

Com que panela eu vou? Panelas de titânio são excelentes opções, porém são mais caras que as demais.

Panelas de Pedra Sabão

Panelas de pedra sabão têm longa durabilidade e não alteram o sabor dos alimentos, além de serem fáceis de lavar.

Com que panela eu vou? Panelas de Pedra Sabão são uma boa opção!

Panelas de Aço Inox

Podem possuir níquel na composição. Mesmo sendo liberados em baixa quantidade, há pesquisas que não recomendam o material para pessoas sensíveis ao metal.

Com que panela eu vou? Se a panela de aço inox não possuir níquel na composição, é uma boa opção.

Panelas de Barro

São boas para a saúde, mas exigem muito cuidado na limpeza. Elas devem ser guardadas secas e sem a tampa.

Com que panela eu vou? Panelas de Barro são boas para a saúde, mas são difíceis de limpar.

Panela de Teflon

Ótima para ser usada sem óleo, pois os alimentos não grudam nela. Mas quando a temperatura passa de 240°C, como em uma fritura, ela libera resíduos na comida.

Com que panela eu vou? Podem ser utilizadas, mas se a panela de teflon começar a descascar e soltar aquela crosta preta, é melhor substituí-la.

Panelas de Cobre

Panelas puramente de cobre são proibidas no Brasil, pois elas liberam resíduos indesejáveis nos alimentos. Entretanto, é possível encontrá-las com revestimento interno de alumínio ou aço inox.

Com que panela eu vou? Fuja das panelas inteiramente de cobre. Se quiser uma dessa, opte pela revestida internamente com aço inox, desde que ele não tenha níquel em sua composição.

Panelas de Vidro

São consideradas 100% seguras pois não liberam substâncias químicas na hora do cozimento. Além disso, conserva melhor os nutrientes dos alimentos.

Com que panela eu vou? Panelas de vidro são ótimas opções, porém tem baixa durabilidade pois podem quebrar caso caiam no chão.

Panelas de cerâmica

As panelas de cerâmica, desde que possuam selo de qualidade que garante a ausência de chumbo em sua composição, são boas opções para o cozimento dos alimentos.

Com que panela eu vou? Panelas de cerâmica demoram um pouco mais para esquentar, mas têm alta durabilidade, são fáceis de limpar e conservam o calor por mais tempo. Outra vantagem é seu revestimento antiaderente, que dispensa o uso de óleo.

Nada de armazenar comida na panela, viu?

E uma dica que vale para todas as panelas: jamais guarde restos de comida dentro delas! Isso pode liberar resíduos que fazem mal a saúde. Sempre guarde restos de comida em potes de vidro e na geladeira.

Saiba mais: Aprenda como organizar a geladeira de uma vez por todas

Agora que você já sabe qual o melhor tipo de panela para a saúde é hora de correr já para a cozinha para reavaliar suas panelas. Será que está na hora de trocá-las?

Referências

Transferência de alumínio das panelas para a água e para os alimentos pode afetar a saúde humana. Disponível em: http://www.usp.br/agen/repgs/2005/pags/287.htm. Data de acesso: 09/08/2018.

Melhor panela para cozinha? Disponível em: http://www.sonutricao.com.br/conteudo/artigos/panelas/. Data de acesso: 09/08/2018.

Giana M. Ross Toledo

Nutricionista | CRN 8-1385

Formada em Nutrição pela Universidade Filadélfia de Londrina (UNIFIL) desde 2000 e pós-graduanda em Gestão de Qualidade de Alimentos pela Universidade Estadual de Londrina (UEL) desde 2002.

Veja todos os posts de Giana M. Ross Toledo