21 . dez . 2018 Ano Novo  Datas Comemorativas  Natal  

7 dicas para deixar as ceias de fim de ano mais saudáveis

7 dicas para deixar as ceias de fim de ano mais saudáveis

Para deixar as ceias de fim de ano mais saudáveis a gente vai falar sobre comida, mas também sobre comportamento!

Você tem medo de engordar no fim do ano?

É comum que essa época tão gostosa seja também um momento de medo em relação a comida, descontrole e culpa.

Esses sentimentos só ocorrem pela imposição de uma restrição alimentar, seja antes, durante, ou após a festa natalina. A permissão temporária para comer (‘’só hoje’’) indica para você que haverá um período de privação e que, portanto, a ceia de natal é a hora de comer. Isso só faz com que você coma muito mais do que comeria normalmente, se sentindo estufado e até desconfortável muitas vezes.

Como acabar com esse medo?

Deixe de lado essa mentalidade de dieta e se de permissão para comer. Isso irá trazer mais tranquilidade na hora da ceia, evitando comportamentos de despedida da comida e exageros.

Lembre-se que ‘’você pode comer de tudo, mas não tudo’’ (Sophie Deram).

Coma com prazer, calma e aproveite o momento com as pessoas ao seu redor! Não deixe de servir as comidas e preparações tradicionais dessa época, incluindo também alimentos de qualidade!

7 dicas para deixar as ceias de fim de ano mais saudáveis

Dica 1: Inove nos aperitivos

Além de utilizar os queijos como aperitivo, sirva um mix de castanhas com frutas desidratadas, como damasco, maçã, uva passa e abacaxi.

Dica 2: Faça patês saudáveis

Faça patês temperados de ricota e iogurte para comer com torradas integrais. Você pode temperá-los com pimentão, salsinha, cebolinha, azeitonas, alho, tomate seco, manjericão, utilize sua imaginação!

Dica 3: Dê um toque especial nas bebidas

Para as bebidas, sirva vinhos e água aromatizada bem gelada com rodelas de frutas cítricas, como limão, laranja e morango. Fica delicioso também adicionar pedaços de gengibre, canela em pau e folhas de hortelã.

Dica 4: Um arroz mais saudável e colorido (e com passas, só se você quiser!)

Acrescente no arroz amêndoas, nozes ou uva passa (essa última é polêmica!) e inove o tipo utilizado, variando com o arroz negro ou vermelho. Além de gostosos, eles dão um toque festivo para o prato.

Dica 5: Use temperos naturais

Utilize temperos naturais para as carnes, como cebolinha, salsinha, alecrim, coentro, canela, cravo e gengibre.

Dica 6: Não esqueça da salada!

Prepare um de mix de folhas (alface americana, rúcula e alface roxa) com tiras de manga e gergelim preto, tomate seco ou cereja e mussarela de búfala. Deu água na boca só de pensar!

Dica 7: Sobremesas saudáveis e refrescantes

Para a sobremesa, além da rabanada, sirva frutas da época como cereja, pêssego, uva e ameixa. Elas também enfeitam a mesa, proporcionando aquela atmosfera natalina.

Além de todas essas dicas para deixar as ceias de fim de ano mais saudáveis, lembre-se de comer com prazer, tranquilidade e degustando os alimentos. Não deixe que a neura, culpa ou medo estraguem essa festa tão bonita, cheia de reencontros e alegria!

Referências

NATHALIA PETRY NUTRICIONISTA. 4 Dicas para não ter medo da comida no natal. Disponível em: https://www.nathaliapetrynutricionista.com/single-post/2015/12/21/4-dicas-para-n%C3%A3o-ter-medo-da-comida-no-natal.

TAEQ. Veja como deixar a sua ceia de Natal mais gostosa e saudável para esse ano! Disponível em: https://www.conquistesuavida.com.br/noticia/veja-como-deixar-a-sua-ceia-de-natal-mais-gostosa-e-saudavel-para-esse-ano_a2420/1.

BEM ESTAR. Ceia de Natal saudável é alternativa para quem precisa controlar a balança, Bem Estar dá dicas. Disponível em: https://g1.globo.com/bemestar/noticia/ceia-de-natal-saudavel-e-alternativa-para-quem-precisa-controlar-a-balanca-bem-estar-da-dicas.ghtml.

PERSONARE. Substituições saudáveis para a ceia de natal. Disponível em: https://www.personare.com.br/substituicoes-saudaveis-para-a-ceia-de-natal-2-m5627.

Raquel Gaetani Nutricionista

Raquel Gaetani

Nutricionista | CRN 3-51512

Formada desde 2015 em Nutrição e Metabolismo pela Universidade de São Paulo (USP), especialista em Saúde da Família e Comunidade pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e pós-graduanda em Comportamento Alimentar.

Apaixonada pela nutrição e pela cozinha, acredito na transformação da relação das pessoas com a comida. Por isso trabalho a alimentação para além de seu papel biológico de nutrir o corpo, mas principalmente considerando seus aspectos culturais, sociais e psicológicos.

Busco reaproximar as pessoas dos alimentos, da comida de verdade e do ato de cozinhar, incentivando uma alimentação equilibrada e prazerosa.

Acredito em uma nutrição gentil, que ofereça um cuidado verdadeiro, proporcionando sintonia entre corpo e mente através da reeducação alimentar, percepção corporal e desenvolvimento da autonomia. Uma nutrição que segue na contramão do nutricionismo e terrorismo nutricional que encontramos hoje em dia.

Veja todos os posts de Raquel Gaetani