fbpx

Como congelar legumes e verduras para não perder os nutrientes?

Como congelar legumes e verduras para não perder os nutrientes

Congelar alimentos é uma maneira prática de não cair na tentação de comer qualquer coisa por falta de tempo de preparar uma refeição. Porém, nem tudo deve ir ao freezer. Hoje você vai aprender como congelar legumes e verduras para não perder os nutrientes!

Como congelar legumes e verduras para não perder os nutrientes?

Quais vegetais posso congelar?

Quase todos os vegetais podem ser congelados, menos os que serão consumidos crus pois são sensíveis e não resistem ao congelamento.

Alguns dos vegetais que não podem ser congelados são:

  • alface
  • agrião
  • escarola
  • almeirão
  • rúcula
  • pepino
  • rabanete
  • tomate

Posso congelar frutas?

Sim você pode congelar frutas! Higienize-as, retire a casta e o caroço se existir, e guarde em potes de vidro inteiras ou já cortadas. Banana e abacate não devem ser congelados pois oxidam, ok?

Quanto mais fresco, melhor!

O congelamento não melhora o estado, aparência ou sabor do alimento, por isso na hora da compra, escolha vegetais frescos e de boa qualidade.

Antes de congelar, Branqueie os alimentos!

Para congelar legumes e verduras sem perder os nutrientes, a maioria dos vegetais frescos precisa de um pré-cozimento. Esta técnica, conhecida com “branquear” ou “escaldar”, tem a finalidade de preservar o valor nutricional dos alimentos, a coloração e o sabor. Fazendo isso, você pode conservar esses alimentos por mais de seis meses.

Como branquear os vegetais?

Como congelar legumes e verduras para não perder os nutrientes - Como branquear vegetais

  1. Lave e retire as partes danificadas, descasque e corte os vegetais.
  2. Ferva 1 litro de água e coloque 100g de legumes ou verduras.
  3. Abaixe o fogo e cozinhe-os até que fiquem “al dente”.
  4. Retire a porção da água com o auxílio de uma peneira e mergulhe em recipiente com água e gelo (choque térmico) até que fiquem frios. *Este procedimento é importante para deter a ação do calor, que continua cozinhado o alimento mesmo com o fogo desligado.
  5. Deixe escorrer a água do alimento.
  6. Embale em potes de vidro com tampa ou em sacos plásticos, retirando o ar.

Tabela de orientação de congelamento de vegetais

Vegetais

Observações

Cozinhar por

Tempo de Estocagem

Como descongelar

Abóbora

Cortar em pedaços

2 min

6 meses

Em temperatura ambiente ou direto para cozinhar

Abobrinha

Cortar em rodelas ou pedaços e congelar crua

1 min

6 meses

Direto para o cozimento

Acelga

Parte verde picar e branquear, parte branca cortar em pedaços e congelar crua

2 min

6 meses

Direto do freezer para o fogão ou em temperatura ambiente.

Aipim

Cortar em rodelas ou pedaços

3 min

8 meses

Se armazenado cru, sai direto do freezer para o cozimento.

Alcachofra

Cozinhar com suco de limão na água.

Resfriar por 3 minutos

7 min

8 meses

Em temperatura ambiente

Aspargos

Inteiros

2 min (talos finos)

4 min (talos grossos)

8 meses

Em temperatura ambiente ou direto para cozinhar.

Batata

Batatas cozidas escurecem e ficam sem gosto quando congeladas. Pode-se congelar a batata em forma de purê, bolinhos, refogados, sopas, pré-fritas ou fritas como chips ou palha

Purê: 3 meses; Semi-fritas e fritas: 3 a 6 meses

Direto para fritar, no forno ou em temperatura ambiente.

Batata doce

Descascar e cortar em rodelas

3 min

3 meses

Em temperatura ambiente

Beterraba

Cortar em rodelas ou pedaços

8 min

6 meses

Em temperatura ambiente.

Berinjela

Descasque, corte em fatias ou cubos, deixe de molho com água e sal por 10 minutos. Escalde em água com limão.

3 min

10 meses

Em temperatura ambiente ou direto para cozinhar.

Brócolis

Deixar de molho por 10 minutos em água, sal e suco de limão

3 min

10 meses

Direto para terminar de cozinhar.

Cebola

Picada ou em rodelas, também pode ser congelada crua

2 min

6 meses

Não descongelar. Direto para refogar.

Cenoura

Em rodelas ou cubos: branquear. Se for ralada: congelar crua

3 min

10 meses

Sai direto do freezer para o fogão, até terminar o cozimento.

Chuchu

Cortar em rodelas

2 min

8 meses

Não descongelar. Direto para refogar.

Cogumelo

Deixar de molho por 5 minutos em água e suco de limão

3 a 5 min

6 meses

Em temperatura ambiente.

Couve

Cortar bem fina, em tiras

2 min

6 meses

Não descongelar. Direto para refogar.

Couve-flor

Separar os buquês e cozinhar com limão

3 min

6 meses

Direto do freezer para o fogão até ficar no ponto.

Ervilha

Crua e debulhada

12 meses

Direto do freezer para o fogão até ficar no ponto.

Espinafre

Em folhas ou picado

2 min

10 meses

Não descongelar. Direto para refogar.

Mandioquinha

Descascar e cortar em pedaços

3 min

6 meses

Direto para terminar de cozinhar.

Milho em espiga

Escaldar as espigas inteiras

5 min

8 meses

Não descongelar. Direto para refogar na água quente.

Milho em grãos

2 min

8 meses

Não descongelar. Direto para refogar na água quente.

Pimentão

Cortar, tirar as sementes e congelar cru

12 meses

Não descongelar. Direto para refogar.

Quiabo

Remova os talos

2 min

8 meses

Em temperatura ambiente.

Rabanete

Remova as folhas externa e corte em pedaços

1 min

3 meses

Em temperatura ambiente.

Repolho branco ou roxo

Remova as folhas externas e corte em tiras finas

2 min

Cru: 1 mês Escaldado: 10 meses

Não descongelar. Direto para refogar.

Tomate

Como suco, purê ou molho

12 meses

Não descongelar. Direto para refogar.

Vagem

2 min

12 meses

Congelando temperos naturais

Uma boa dica para congelar temperos naturais é cortar os talos, eliminar folhas velhas e picar tudo em pedaços pequenos, isso lhe poupará tempo quando quiser usá-los depois.

Por fim, distribua as pequenas partes do tempero (salsinha, cebolinha, manjericão, orégano, etc) sobre cada espaço de uma forma de gelo, ponha um pouco de água e congele.

Como congelar legumes e verduras para não perder os nutrientes - Congelar ervas e temperos no azeite

Para fazer ervas finas, em vez de água, utilize azeite de oliva – assim, as folhas não escurecem e você cria um jeito prático para temperar guisados, assados, massas e sopas.

Agora que você já aprendeu como congelar legumes e verduras para não perder os nutrientes, coloque em prática e deixe sua rotina e alimentação muito mais saudáveis!

Por Amanda Oliveira
Nutricionista – CRN 8/7460